Yudith Rosenbaum
Psicóloga, formada pela PUC e professora de literatura brasileira da USP. Já atuou como orientadora educacional e analista em consultório particular. Atualmente, desenvolve pesquisa na interface da psicanálise com a literatura, estudando Guimarães Rosa. Publicou: Manuel Bandeira: Uma Poesia da Ausência, Metamorfoses do Mal: Uma Leitura de Clarice Lispector, Clarice Lispector e O Livro do Psicólogo.

Ouça a entrevista em podcast:*
(ou clique aqui para baixar o arquivo em mp3)
(aprox. 6-8 MB)
 
Confira a primeira parte da entrevista.
 
* Para ouvir é necessário ter instalado o iTunes ou versão atualizada do Windows Media Player (ou outro programa que execute mp3).
 
Veja no JOGO RÁPIDO os livros marcantes para Yudith Rosenbaum citados no programa:
Definição de um bom livro
É aquele que nos devolve transformados para o mundo, percebendo coisas que sempre estiveram aí e nunca reparamos.

Por que você lê ?
Para sentir que há algo muito maior e melhor do que o meu pobre ego, girando em torno de si mesmo.

O que você está lendo agora ?
Estou começando o livro de Ian McEwan, O Inocente.

O que pretende ler ?
De amor e de trevas, de Amós Oz.

Livros prediletos dos seus filhos
Meu filho André, que fará 6 anos, adora as estórias de Tim Tim e as aventuras de Geronimo Stilton, um ratinho que ainda não chegou ao Brasil. Já o Tomás, de 4 anos, gosta do Livro dos Medos, de vários autores.

Autores que são intérpretes essenciais do ser humano
Dostoiévski, Thomas Mann, Proust, Borges e Cortázar.

Cesta básica de Psicanálise
A interpretação dos sonhos, de Freud.

Literatura brasileira
Machado de Assis, Manuel Bandeira, Clarice Lispector e Guimarães Rosa.

Livro de cabeceira
Atualmente, é A louca da casa, de Rosa Montero.

Nota de rodapé
Onde quer que um homem sonhe, profetize ou poetize, outro se ergue para interpretar de Paul Ricouer.
 


 
       
©2007-2008 Mona Dorf / Rádio Eldorado
Todos os direitos reservados