Mário Sérgio Cortella
Graduado em Filosofia, Mestre e Doutor em Educação pela PUC, sob a orientação Paulo Freire. Atualmente é professor-titular do Departamento de Teologia e Ciências da Religião e da Pós-Graduação em Educação da PUC. Foi Secretário Municipal de Educação de São Paulo. É autor, entre outros livros, de A Escola e o Conhecimento, Nos Labirintos da Moral, com o professor Yves de La Taille e Não Nascemos Prontos!Provocações Filosóficas.

Ouça a entrevista em podcast:*
(ou clique aqui para baixar o arquivo em mp3)
(aprox. 6-8 MB)
 
Confira a primeira parte da entrevista.
 
* Para ouvir é necessário ter instalado o iTunes ou versão atualizada do Windows Media Player (ou outro programa que execute mp3).
 
Veja no JOGO RÁPIDO os livros marcantes para Mário Sérgio Cortella citados no programa:
Livros para entender mais sobre ética e moral
Fernando Savater publicou no Brasil e no mundo o livro Ética para meu filho. O livro Ética, do Professor Fábio Konder Comparato, lançado pela Companhia das Letras, que conta a história da ética no direito, na religião e na história. Outro livro é da educadora e filósofa, Terezinha Azeredo Rios, chamado Ética e Educação que é da editora Cortez. Os três são de primeira linha!

Primeiros passos em filosofia
Perguntar é uma coisa marcante, e esses primeiros passos levam a gente a mergulhar nas coisas que a Ruth Rocha. Ela traduziu esses livros de um jeito próprio para o português, começando pela Ilíada e Odisséia, atribuídos a Homero, que ela fez uma versão mais infantil e que traz questões sobre coragem, vida, o sentido da existência, amizade, lealdade. Toda aquela fantasia dos ciclopes e das sereias ajuda a filosofar.

Obra principal de um filósofo muito admirado por você
Eu tenho uma grande admiração pela obra A Política, de Aristóteles. Obra do século IV a.C, e que trata fortemente da finalidade da política que é a felicidade.

Livro para quem quiser começar a entender as Ciências da Religião
O que é Religião, de Rubem Alves. Esse é um passo marcante para chegar ao começo da indagação.

Um livro que deixou marcas
Quarup, do Antonio Callado. É extremamente marcante na minha história.

Um clássico
Fédon, de Platão. É sobre a imortalidade da alma, um impacto imenso em toda a história do pensamento no ocidente e no oriente.

Livro de cabeceira
A Bíblia é um livro para ser lido e repensado seja por quem tem crença nessa área, seja por quem quer ver o humano sempre, lutando para não cair para trás e não desistir.

Escritores prediletos
No Brasil Darci Ribeiro, Monteiro Lobato.
Nos Estados Unidos Gori Vidal e Mark Twain
Mas tem um que é inenarrável que o Machado de Assis.
 


 
       
©2007-2008 Mona Dorf / Rádio Eldorado
Todos os direitos reservados