Fernando Vilela
Escritor, ilustrador, designer e educador. Seu livro Lampião e Lancelote ganhou o primeiro lugar no Jabuti 2007 em duas categorias: Melhor livro infantil e Melhor ilustração de livro infantil ou juvenil e ainda ganhou segundo lugar na categoria Melhor capa. Ganhador do prêmio Novos Horizontes do Salão Jovem de Bolonha, é um dos escritores revelação pela Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil. Publicou os livros: Lampião e Lancelote, Toalha vermelha e O que cabe num livro e outros.

Ouça a entrevista em podcast:*
(ou clique aqui para baixar o arquivo em mp3)
(aprox. 6-8 MB)
 
Confira a primeira parte da entrevista.
 
* Para ouvir é necessário ter instalado o iTunes ou versão atualizada do Windows Media Player (ou outro programa que execute mp3).
 
Veja no JOGO RÁPIDO os livros marcantes para Fernando Vilela citados no programa:
O melhor da literatura infantil hoje
É um mundo. Um recorte dele são os autores/ilustradores: Ziraldo, Roger Mello, Nelson Cruz, Ângela Lago, Erik Carte, Ruy de Oliveira, Odilon Moraes, Eva Furnari e vários outros...

Livros da adolescência
Quadrinhos de ficção científica: Moebius e os chargistas: Angeli, Glauco e Laerte e as escritoras Ruth Rocha, Stella Carr e Cecília Meireles.

Romance do coração
Vários. As obras de Kafka, Dostoievski, Ítalo Calvino, Marguerite Yourcenar e Guimarães Rosa.

Toda a criança deveria ler...
Quadrinhos: Tio Patinhas, Mônica e Cebolinha.
Os Autores: João Carlos Marinho, Ruth Rocha e Ângela Lago e ainda os livros experimentais que trabalham com as artes plásticas dentro da literatura: Roger Mello e Odilon de Moraes.

Livro essencial que você ainda não leu
Em Busca do Tempo Perdido de Marcel Proust.

Livro a que você recorre na hora do apuro
Poemas Místicos de Rumi.

Um ilustrador ou um artista indispensável
No Brasil em arte: Iberê Camargo, Volpi, Amilcar de Castro, Mira Schendel, Nuno Ramos.
Na ilustração, Bruno Munari.

Livro de Cabeceira
Poeira de Fernando Paixão.

Um Clássico
Crime e Castigo de Dostoievski.

Nota de rodapé
“Nunca se toma banho no mesmo rio”. Heráclito de Éfeso.
 
Mais sobre Fernando Vilela na internet:
www.artebr.com/vilela


 
       
©2007-2008 Mona Dorf / Rádio Eldorado
Todos os direitos reservados